Empresário defende reabertura de academias

Por bruno.ctp em ter, 12/05/2020 - 12:27
Imagem Principal
Vereador Ilton Ferreira (em primeiro plano, de costas) faz pergunta a Carlos Eduardo Souza
Texto Principal

A Tribuna Livre foi novamente utilizada na manhã de hoje, 12, durante a 11ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Franca, para obter auxílio face a pandemia do novo coronavírus. O empresário Carlos Eduardo de Souza, representando os proprietários de academias, pediu a reabertura dos estabelecimentos.

Ele, primeiramente, apresentou os benefícios da atividade física, que aprimora o sistema imunológico, por exemplo. Souza também relatou as dificuldades financeiras que os donos de academias estão passando. “Eles estão com alugueis atrasados, dispensando funcionários e declarando falência. São anos de sonho e, hoje, muitos estão perdendo seus negócios”, comentou Carlos, adicionando que os empresários não se enquadram nos benefícios disponibilizados pelo governo.

Souza propôs a reabertura de academias segundo algumas normas de segurança. Entre elas, estão: o uso constante de álcool em gel; tapete com desinfetante na entrada e saída de alunos; desinfecção das dependências de duas a três vezes ao dia; uso de máscaras; limitação de quantidade de clientes; e acesso vetado a alunos de grupos de risco ou idosos.

Os vereadores Ilton Ferreira (PL), Adérmis Marini (PSDB), Marco Garcia (Cidadania), Pastor Otávio Pinheiro (PTB), Corrêa Neves Jr. (PSD), Tony Hill (DEM) e Cristina Vitorino (Republicanos) manifestaram apoio a Carlos. Tony, que é o líder do prefeito Gilson de Souza (DEM) na Câmara, se prontificou a mediar a situação e agendar uma reunião junto ao Poder Executivo Municipal.

O discurso do empresário pode ser conferido na íntegra através do Youtube (https://youtu.be/SLhDkZBI2Kk?t=2467) e do Facebook (https://www.facebook.com/camaradefranca/videos/246363093278676/).

(Comunicação Institucional Câmara)